Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Quinta, 13 de Dezembro de 2018
Todas as categorias
Política
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Comunicação Social/ Ministro promete ser mais exigente com administração dos órgãos

2016-03-09

(ANG) – O Ministro da Comunicação social prometeu hoje ser mais exigente no controlo da administração e finanças dos órgãos públicos de informação.



Agnelo Regala falava na cerimónia de abertura do seminario sobre Gestão Administrava e Financeira destinada aos funcionários do Ministério da Comunicação Social, a decorrer de 09 ao 15 deste mês.

A referida formação foi organizada pelo Ministério da Comunicação Social em parceria com o Programa de Apoio aos Actores Não Estatais (UE-PAANE).

O ministro da Comunicação Social disse que a formação irá proporcionar condições e competências correspondentes com as expectativas da boa gestão e administração dos órgãos de comunicação social.

O governante referiu que essa formação surgiu na sequência de um diagnóstico feito aos órgãos da comunicação cujo resultado apresentado não agradou ao Governo.

Disse esperar que no final do ateliê os formandos venham a produzir um Manual de Procedimento para o sector e que vai incluir os problemas, as necessidades e os caminhos a seguir .

Agnelo Regala sublinhou a necessidade de melhorar a gestão administrativa do ministério e do funcionamento dos órgãos da comunicação social, para que respondam com as exigências da administração pública guineense.

O Ministro manifestou-se indignado com a desorganização na administração do sector, lembrando que ainda há órgãos de comunicação que funcionam sem estatuto.

Por sua vez, a Coordenadora do Programa de Apoio aos Actores Não Estatais (UE-PAANE) disse que a referida formação vem na sequência de varias acções de capacitação que o Programa, através do financiamento da União Europeia (UE), vem realizando desde 2011, envolvendo os órgãos da comunicação Social.

Segundo Sónia Sánchez o gesto representa a preocupação, o compromisso e a contribuição da UE ao desenvolvimento do sector da comunicação social, cuja valência é reconhecida no processo de desenvolvimento de qualquer país.

Aquela responsável fez questao de sublinhar que a secção não constituiu um espaço de curso de formação da administração e finanças, mas sim, de partilha de conhecimento, que no final seja produzido um manual de boas praticas para a comunicação social.ANG/FGS/SG


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw