Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Domingo, 17 de Dezembro de 2017
Todas as categorias
Cultura
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Literatura/ Escritor guineense publica duas obras

2016-05-19

(ANG) – O escritor guineense, Plínio Gomes Reis Borges, publicou quarta-feira, em Bissau, duas obras literárias sob titulos “Tempos Amargos” e “Os três Pecados da Gema”,que reflectem os comportamentos das diferentes camadas da sociedade guineense.



Em declarações á Imprensa, o autor explicou que os livros ora publicados e escritos em 2015, podem ajudar a sociedade guineense na mudança de mentalidades.

“Por exemplo, Os três Pecados da Gema que conta a vida de uma ex-prostituta, mostra que uma pessoa pode saír um dia de qualquer problema da vida social e se transformar em alguém melhor”, referiu.

Plínio Gomes Reis Borges considerou o lançamento da obra um sucesso porque contou com uma aderência massiva de pessoas de diferentes extratos sociais que vieram assistir ao evento.

“Com todo o orgulho que vejo homens da literatura guineense, cineastas, escultores, artistas e cantores com obras já publicadas que vieram para assistir a este evento”, rigozijou-se.

Exorta a juventude guineense no sentido de não abandonarem os seus sonhos apesar dos problemas políticos e sociais do país.

Este escritor afirmou que já tem um trabalho quase acabado, intitulado “Bacalhau com Olho de Palma” e que promete ser de muita importância para a Guiné-Bissau .

Disse que q referida obra conta a história do país desde a época colonial até a data presente.

“A história colonial deve ser contada aos mais jovens para que possam compreender o porquê da nossa independência, e eu acho que para sabermos da nossa independência temos ,primeiramente que, descobrir o que se passou naquela época”, referiu.

Plínio Gomes Reis Borges é um ex- funcionário dos Correios Telégrafos e Telefones (CTT) na Guiné-Bissau, formado em Administração e residente no Brasil.

Escreveu já 3 obras nomeadamente “As Chaves do Progresso”, “A Mão Direita do Diabo”, ambos em 2005 e no ano de 2014 lança o “Anjo do Mal”, todas publicadas em França. ANG/FGS/SG


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw