Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Domingo, 20 de Agosto de 2017
Todas as categorias
Desporto
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Futebol/ El Hadji Diouf felicita “os Djurtus” pelo apuramento para CAN 2017

2016-07-27

(ANG) – O antigo internacional senegalês, El Hadji Diouf felicitou terça-feira a seleção nacional de futebol da Guiné-Bissau pelo seu apuramento para o Campeonato das Nações Africanas – CAN 2017.



Diouf falava ao Jornal “o Democrata” à sua chegada ao Aeroporto Internacional Osvaldo Vieira em visita de quatro dias à Guiné-Bissau, a convite da Federação Nacional de Boxe.

Disse ainda que veio ao país para partilhar a sua experiência com a nova geração guineense e não escondeu a sua satisfação em relação à qualificação histórica da Guiné-Bissau para o CAN, desejando boa sorte aos “Djurtus”.

“Venho dar os meus parabéns e desejar boa sorte à selecção nacional. Apelar que a nova geração dos “Djurtus” seja ajudada para que possa estar no topo do campeonato Africano das Nações”, sublinhou o ex-internacional do futebol senegalês.

O futebolista acrescenta ainda que tem visto alguns jogos da selecção guineense, facto que o deixa convicto de que a nova geração de futebolistas de que o país dispõe actualmente terá grande expressão em qualquer competição futebolística, incluindo o CAN.

Diouf que é igualmente actual conselheiro do Presidente da República do Senegal, Macky Sall para Assuntos Desportivos, auto considera-se embaixador da nova geração de futebolistas africanos, sustentando que o futuro do continente, berço da humanidade, está na juventude, por isso, veio a Bissau para interagir com a juventude guineense.

O ex. internacional dos “Lions de Teranga” acredita que “os Djurtus” farão uma boa campanha no CAN , no Gabão/2017. Disse acreditar na capacidade dos atletas guineenses, mas alerta que o seu desempenho dependerá, em grande medida, do apoio dos dirigentes nacionais, pelo que pede apoio das autoridades à seleção nacional.

O Presidente da Federação de Boxe da Guiné-Bissau Mamadu Saliu Sanha, confirmou que o ex-internacional senegalês está no país para dar parabéns a selecção nacional de futebol pelo apuramento “inédito “para o CAN, mas, sobretudo, para ajudar a impulsionar a prática da modalidade de boxe na Guiné-Bissau, na qualidade de Conselheiro da área da Juventude e Desportos do Presidente Macky Sall.

El Hajdi Diouf faz parte da mesma geração de “ouro do futebol senegalês com Tony Silva, guarda-redes natural da Guiné-Bissau que defendeu as redes senegalesas no Mundial de Coreia e Japão, em 2002.

ANG/ o Jornal “Democrata”


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw