Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Sexta, 16 de Novembro de 2018
Todas as categorias
Internacional
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


EUA/ Trump acusa Obama de ser fundador do Daesh

2016-08-15

(ANG) - O candidato à Casa Branca, Donald Trump, afirmou que o Presidente norte-americano, Barack Obama, é “o fundador” do grupo terrorista Daesh.



Donald Trump criticou a resposta de Obama ao terrorismo internacional e considerou que o Presidente é “o fundador” do Estado Islâmico e que Hillary Clinton, a sua rival nas eleições presidenciais deste ano, é a “co-fundadora”.

Segundo Trump, o Estado Islâmico respeita Obama porque “ele é o fundador do ISIS”, uma das designações por que é conhecido o Estado Islâmico.

“E eu diria que a co-fundadora é Hillary Clinton”, acrescentou, durante um comício na Florida.

Anteriormente, o republicano apelou à violência contra a candidata do Partido Democrata e anunciou que a “política estúpida” de Clinton levou ao surgimento do ISIS.

“Hillary Clinton criou o Daesh por causa da sua política estúpida, ela é a responsável pelo Daesh”, disse Trump.

A estas declarações ainda não houve uma reação de Obama ou Hillary.

Entretanto, um homem escalou o edifício Trump Tower, em Nova Iorque, durante três horas, para tentar conhecer o candidato republicano.

A escalada do edifício, que tem mais de 200 metros de altura e 68 andares, foi feita com recurso a ventosas e o jovem, de 20 anos, parou a subida quando foi capturado pelas forças de segurança através de uma janela.

Segundo um porta-voz da polícia, o homem “não expressou em momento algum a intenção de ferir quem quer que fosse”.

“O seu único desejo era falar com o senhor Trump”, acrescentou.

Depois de retirado do edifício, o jovem foi internado para ser submetido a exames médicos.

Donald Trump vive nos últimos andares do edifício, que é também a sede das suas empresas e, agora, o centro da sua campanha presidencial.

ANG/ZAP / Lusa


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw