Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Sexta, 22 de Setembro de 2017
Todas as categorias
Tecnologia
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Energia/ Lançado “Projeto de Melhoria do Serviço de Eletricidade em Bissau”

2016-09-19

(ANG) – O Governo da Guiné-Bissau lançou hoje oficialmente o Projeto de Melhoria do Serviço de Eletricidade na cidade de Bissau denominado (PASEB).



Falando no ato, o ministro da Energia e Indústria garantiu que o projeto se enquadra no programa de investimento e reforço das capacidades do sector de eletricidade, o qual se inscreve no Plano Estratégico e Operacional 2015-2020 (Terra Ranka).

De acordo com o governante, o mesmo visa a construção, em forma de anel, de uma rede energética de 30 Kilowatt e mais três subestação de 30/10 quilowatt que vai permitir, em situação de avaria, assegurar ,sem quebras, o fornecimento continuo de energia às populações” disse.

O ministro de Estado da Energia e Indústria sublinhou que outra finalidade do PASEB é de reduzir de 22 para 02 o número de dias de interrupção no fornecimento da eletricidade à capital Bissau, redução das taxas das perdas globais da energia produzida de 47 por cento para 20 e imprimir um “forte reforço” à gestão comercial e da Empresa de Eletricidade e Águas da Guiné-Bissau (EAGB).

Por seu turno, o coordenador do projecto PASEB,Alberto da Silva disse que a rede que o país possui ac tualmente é extremamente caótica e o projecto vai diminuir não só as avarias, assim como será criado mecanismos para que quando houver avaria numa zona para que a outra continuasse a fornecer energia aos consumidores.

Alberto da Silva disse ainda que vão formar os quadros da EAGB que posteriormente continuarão a explorar a rede e dar outro rosto a empresa, em termos de reparação das avarias e qualidade de energia .

O projeto é financiado pelo Banco Africano do Desenvolvimento (BAD), no valor de 35 milhões de dólares.

A cerimónia contou com a presença do representante do BAD, secretário de Estado do Plano e da Integração Regional e responsáveis e técnicos da EAGB.

ANG/MSC/JAM/SG


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw