Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Terça, 26 de Setembro de 2017
Todas as categorias
Sociedade
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Bedanda/ Sete membros de uma família foram mortas acusadas de feitiçaria

2016-11-08

(ANG) – Sete pessoas de uma família, foram recentemente torturados até a morte, por um grupo de populares da tabanca de Cadik N´bitna no setor de Bedanda, sul do país, por alegadas práticas de feitiçaria.



Segundo a RDN, a denúncia foi feita no último fim-de-semana pelo governador da região de Tombali, Bacar Bodjam aquando da visita àquela localidade do ministro do Interior Botche Candé.

Bodjam que falava à imprensa disse que os criminosos após terem assassinado toda a família acusada resolveram ameaçar a morte o próprio régulo da povoação e os filhos deste.

O Governador de Tombali afirmou ainda que aquela região não conseguiu combater a referida prática devido a falta de meios às autoridades administrativas e policiais da área.

Lembrou ainda que as irmãs da Igreja Católica que cuidavam da saúde dos populares de Cadik e Bedanda e das escolas para as crianças, também foram vítimas de assaltos e de tentativa de estupro por parte de um grupo de jovens. Segundo o governador, as referidas irmãs acabaram mesmo por abandonar aquele sector.

Bacar Bodjam ainda revelou que, recentemente, ma jovem foi torturada pelos familiares por alegadamente ter recusado o casamento forçado.

Apelou aos jovens daquela localidade para denunciarem os infratores e se abdicarem de roubos e outras práticas nefastas.

ANG/RDN


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw