Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Quinta, 13 de Dezembro de 2018
Todas as categorias
Política
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


CMB/ Declaração de bens do Presidente e seu vice é doravante obrigatória

2017-02-01

(ANG) – “Futuramente o presidente da Câmara Municipal de Bissau(CMB) e o seu vice terão que declarar pública e formalmente os seus bens antes de assumirem os respectivos cargos”, anunciou hoje o Ministro da Administração Territorial.



Sola Na Nquilim Na Bitchita proferiu estas afirmações numa reunião com os tecnicos da edilidade de Bissau, justificando-as com a necessidade de implementação de uma gestão regorosa, responsável e transparente do bem público.

Na sua intervenção, o governante anunciou ainda a suspensão de autorização de concessão de terrenos para construção, até o esclarecimento do assunto com base em informações convincentes.

Igualmente, Na Nquilim solicitou ao Tribunal de Contas uma auditoria as contas da anterior direcção da CMB, e determinou a bancarização total das receitas da CMB, e deixou instrução para a produção de novas cadernetas de recibos mais seguros e confiáveis.

O governante anunciou ainda a interdição temporária da atribuição de alguns subsídios aos funcionarios da edil camarária, a reconfirmação do fim de alguns contratos com “pessoal dispensável” e em comissão de serviços,a garantia da protecção social efectiva dos trabalhadores, e a revisão das estruturas orgânicas de serviço e do pessoal.

“Por isso reafirmo a nossa convicção de que apenas a materialização das medidas acima enunciadas farão da Câmara Minicipal o tal instrumento necessario e capaz de fazer da Cidade de Bissau um centro urbano organizado ,asseado ,confortavel ,bonito e desenvolvido “ disse Na Quilim.

Questionado pelos jornalistas sobre a continuidade das obras iniciadas pela antiga direcção, entre as quais, o Parque denominado “Nbatonha “ e as prespectivas de construção de 880 casas, Sola Na Quilim disse que vão continuar e que o parque em causa será inaugurada amanhã, quinta-feira.

O ministro assegurou que as obras lançadas pela antiga direção vao prosseguir mas com algumas alterações.

Quanto ao conflito entre a empresa de telecomunições Guinetel e a CMB sobre o terreno na zona de Brá ,Na Quilin disse que, no momento certo o diferendo entre as partes será ultrapassada , tendo acrescentado que está previsto a construção no local em causa de casas atraves de uma Agência Imobiliária.

Em relação as obras do mercado central suspensas desde o golpe de estado de 12 de Abril de 2012, disse que contactos estão a ser desenvolvidos junto de parceiros com vista a conclusão daquele que foi o maior mercado do país.

ANG/MSC/JAM/SG


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw