Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Quinta, 13 de Dezembro de 2018
Todas as categorias
Política
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Novo PM/reacçôes/ PCD condena nomeação de novo PM pelo Presidente da República

2015-08-24

(ANG) – O Partido da Convergência Democrática (PCD) condenou hoje a decisão do Presidente da República, de nomear um novo Primeiro-ministro,alegando que a mesma não se conforma com a “legalidade” constitucional do país.



Num comunicado à que a ANG teve acesso, o PCD acusa José Mário Vaz de total desrespeito e inobservância aos conselhos constitucionais ao nomear um Primeiro-ministro à revelia do Partido Africano para Independência da Guiné e Cabo-Verde (PAIGC), que ganhou as eleições legislativas de 2014, com maioria absoluta.

“Em face do sucedido, o Presidente da República colocou o país em resultado do golpe de Estado constitucional cujas consequências são imprevisíveis imputando-o a sua total responsabilidade pelo que daí possa advir”, avisou a nota.

A Comissão Política do PCD imputou a responsabilidade ao José Mário Vaz pelos eventuais impasses políticos e desmandos que venham a ocorrer no país e pela eventual infuncionalidade das estruturas do Estado e do governo, e por quaisquer convulsões sociais que venham a resultar desse acto de nomeação de Baciro Djá ao cargo de Primeiro-ministro.

Aquela formação política repudiou a decisão resultante do que conseira “golpe palaciano perpetrado pelo Presidente da República” a quem o partido pede para reponderar e retroceder assumindo as suas responsabilidades na qualidade de primeiro magistrado da nação, para garantir a paz e a estabilidade no país.

Por último, a Comissão Permanente do PCD exorta à todos os guineenses e aos seus militantes e simpatizantes para estarem preparados para um novo combate politico tendente a reposição da legalidade.

ANG/ FGS/SG


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw