Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Quarta, 22 de Novembro de 2017
Todas as categorias
Cooperação
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Política/ Governo condecora Teodoro Obiang com medalha Amilcar Cabral

2017-02-13

(ANG) - O Governo da Guiné-Bissau anunciou sexta-feira que vai atribuir a principal condecoração nacional, a medalha Amílcar Cabral, ao Presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Obiang Nguema.



«A Guiné-Bissau e a Guiné Equatorial têm excelentes relações», justificou, em declarações à Lusa, Olívio Pereira, secretário-geral da presidência do Conselho de Ministros.

A decisão foi tomada na reunião de quinta-feira do Conselho de Ministros mas só hoje foi anunciada. De acordo com aquele responsável, «Teodoro Obiang tem sido um estadista atento à evolução da situação politica na Guiné-Bissau, tendo manifestado a sua solidariedade com diversos governos e em diversas ocasiões com o povo da Guiné-Bissau».

A atribuição da medalha é, assim, «um gesto de reconhecimento que o Governo liderado por Umaro Sissoco Embaló decidiu prestar-lhe», acrescentou.

A atribuição da medalha deverá ocorrer «brevemente», concluiu.

Amílcar Cabral, fundador do Partido Africano da Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC), foi um dos mais influentes independentistas africanos da década de 1960.

Teodoro Obiang Nguema está no poder na Guiné Equatorial desde 1979.

O país é o mais recente membro da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), organização à qual aderiu em 2014, e é frequentemente referenciado como uma nação com altos níveis de corrupção e nepotismo por organizações de defesa dos direitos humanos.

ANG/Lusa


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw