Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Sexta, 16 de Novembro de 2018
Todas as categorias
Internacional
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Congresso do PAICV/ Janira Hopffer Almada afirma que partido saiu com “muita força e muita coragem”

2017-02-20

(ANG) – A presidente do PAICV, Janira Hopffer Almada, afirmou domingo que o partido saiu do XV Congresso com “muita força e muita coragem” para essa nova caminhada e com sentimento de que reconquista da auto-estima.



Janira Hopffer Almada fez estas afirmações à imprensa , na Cidade da Praia, após o acto de encerramento do XV Congresso do Partido Africano para a Independência de Cabo Verde (PAICV, oposição) que decorreu três dias sob o lema “Por um PAICV mais forte, por um Cabo verde mais justo”.

Avançou que o partido já iniciou a modernização dos militantes, dos amigos e simpatizantes para começar a arrumar, rumo à conquista novamente da sociedade cabo-verdiana na sua maioria.

“Este congresso serviu para demonstrar, de facto, que o PAICV é um grande partido, é um grande património de Cabo Verde. Na situação de oposição temos que assumir as novas responsabilidades, que é defender o interesse do povo, salvaguardar as legitimas expectativas dos cabo-verdianos e cabo-verdianas”, considerou.

No dizer de Janira Hopffer Almada, tendo este propósito, era “importante” este congresso para uma legitimação dos órgãos nacionais do partido, para que tenham “força e autoridade” para desempenharem “na plenitude” o papel que o povo deu ao PAICV, que é a estar na oposição, fazendo-a de forma “construtiva e democrática”.

Este XV congresso do maior partido da oposição ficou ainda marcado pela ausência dos membros do denominado “Grupo de reflexão do PAICV”, que só estiveram presentes na sessão de abertura do conclave.

Sobre este assunto, em que a presidente do partido escusa-se a pronunciar, Janira Hopffer Almada apenas declarou que “agora é trabalho, mãos à obra”, porque há “muito trabalho pela frente” e os “cabo-verdianas estão a espera”.

“Nós temos novamente de projectar o verdadeiro termo camarada, temos que fazer isso”, lançou, parafraseando Pedro Pires, antigo líder do PAICV relativamente ao “Grupo de reflexão do PAICV”.

Janira Hopffer Almada apelou ainda a todos que se concentrem no “essencial” que é o povo de Cabo Verde.

“Eu me relaciono bem com todos os militantes do PAICV, é com base em princípios de lealdade, fidelidade, defendendo sempre os princípios e valores do PAICV que relacionar-me-ei sempre com os militantes do PAICV”, enfatizou.

O congresso também aprovou as listas apresentadas para a Comissão Nacional de Jurisdição e Fiscalização e Mesa Conselho Nacional, sendo que este posteriormente vai aprovar nomes para a Comissão Política Nacional, o Secretariado Permanente e Secretário-geral e vice-presidentes.

Ang-Inforpress


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw