Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Segunda, 20 de Novembro de 2017
Todas as categorias
Regiões
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Presidência Aberta/ Mulheres da região de Gabu dizem que são vítimas de discriminação em relação aos homens

2017-03-15

(ANG) – A primeira secretária da União Democrática das Mulheres da região de Gabú(UDEMU), denunciou ao Presidente da República de que têm sido sempre alvos de discriminação em relação aos homens em todos os aspectos da vida na região.



Sadjo Sané Handem, em declarações à imprensa à saída de uma audiência terça-feira com o Presidente da República no palácio do governador de Gabú, disse que as mulheres estão a precisar de um Banco de Crédito para que possam exercer as suas actividades comerciais, *à semelhança do que acontece noutros países da sub região*.

“Na região de Gabú as mulheres nunca foram privilegiadas em nenhuma situação de crédito, contudo já demonstraram serem mais sérias do que os homens porque detestam humilhações”, disse.

Aquela responsável sublinhou que a maioria das mulheres de Gabú nunca foi alvo de promoção nos seus serviços, não obstante terem competências para o efeito.

“A título de exemplo, na minha pessoa já estou a trabalhar há mais de trinta anos como secretária no Comité de Estado e nunca fui promovida embora tenho competências para exercer cargos públicos como administradora e até deputada da nação”, disse.

Sadjo Sané Handem queixou que existem ainda mulheres com cursos feitos no Instituto Camões a labutarem muitos anos na mesma categoria e sem mudança de letra .

ANG/ÂC/SG


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw