Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Terça, 26 de Setembro de 2017
Todas as categorias
Saúde
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Depressão Mental/ Quarenta e dois casos são registados pelo Centro de Saúde Mental em 2016

2017-04-05

(ANG) - O Director do Centro de Saúde Mental confirmou terça-feira que dos mais de 2,5 mil pacientes tratados em 2016, 42 destes, o correspondente à 1, 7 por cento, padeciam de depressão mental.



Gerónimo Henrique Té falava num briefing realizado pelo Ministério de Saúde em colaboração com Organização Mundial de Saúde (OMS) alusivo à celebração do dia mundial da saúde, que se assinala a 7 de Abril sob o lema “Depressão: Falemos Abertamente”.

“Na realidade os casos de depressao são bastante frequentes na Guiné-Bissau, mas os que recorrem ao serviço do Centro Mental são poucos” explicou tendo adiantado que o lema deste ano para o efeméride visa sensibilizar as populações sobre os serviços prestados pelo centro nomeadamente na prevenção de doenças mentais.

Sublinhou que apesar das dificuldades, o Centro Mental jamais deixará de dar os seus préstimos aos que necessitam, tendo apelado o apoio do governo para a melhoria das condições de trabalho.

Henrique Té apela aos órgãos da Comunicação Social no sentido de ajudarem no processo de sensibilização sobre a importância do recurso ao Centro Mental pelos familiares dos doentes.

O representante de OMS no país, Ayigan Kossi definiu a depressão como um transtorno mental frequente, e, disse que estima-se que,globalmente, 350 milhões de pessoas de todas as idades sofrem desse mal.

“A depressão é a principal causa de incapacidade física em todo o mundo e contribui para a carga global de doenças, e as mais afectadas são as mulheres por causa das suas fragilidades”, afirmou.

Aygan Kossi acrescentou que cerca de 800 mil pessoas morrem por suícidio anualmente e que a segunda principal causa de morte entre pessoas com idade entre 15 e 29 anos é a depressão.

ANG/AALS/JAM/SG


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw