Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Sábado, 23 de Setembro de 2017
Todas as categorias
Ensino
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Ensino/ Associação Académica dos Estudantes de “Tchico Té!” assina acordo com congénere senegalesa

2017-04-11

(ANG) – O Presidente da Associação Académica dos Estudantes da Escola Normal Superior “Tchico Té” disse hoje que a sua organização vai estar em Dakar nos próximos dias 22 à 25 do corrente mês para assinatura de um acordo com a Associação dos Estudantes da Escola Normal do Ensino Técnico Profissional de Dakar.



Francisco Brandão Pereira falava numa conferencia de imprensa na qual esclareceu o motivo do adiamento do intercâmbio estudantil que devia ter lugar no Senegal e que não se realizou devido a visita que o Presidente português efectua àquele país, uma vez que os estudantes universitários senegaleses estão inseridos nos serviços de protocolo para a recepcção do visitante.

Relativamente ao acordo que vão assinar em Dakar, o Presidente da Associação dos Estudantes de “Tchico Té” disse que o acontecimento vai permitir a sua escola e a sociedade estudantil da Guiné-Bissau participar nos próximos eventos que vão decorrer na sub-região onde vão tomar parte os países como a Gâmbia , Cabo-Verde e Senegal.

“Estávamos fora deste Fórum, mas a nossa presença no encontro de Dakar vai permitir a participação dos guineenses nestes eventos académicos dos países vizinhos, “disse.

Francisco Brandão Pereira disse ainda que a sua associação tinha um plano B, que tem a ver com uma excursão Académica que terá lugar na ilha de Orango entre os dias 13 à 16 , para permitir aos estudantes da Escola Normal Superior “Tchico Té” constatarem “ in loco” a realidade daquela zona.

O dirigente disse que a semelhança do que seria a ida à Dakar, vão convidar outras instituições académicas para tomarem parte na primeira Excursão Académica dos estudantes da Escola Tchico Té a realizar-se em Orango.

“Lamentamos a falta de apoio das diferentes franjas da nossa sociedade o que criou um certo desânimo, e fizemos mais de 70 pedidos através de cartas mas só uma pessoa se dignou em responder tendo nos oferecido uma soma de mil e quinhentos francos CFA , que, apesar de pouco,a consideramos muito, por ser a única que lembrou de nós” ,lamentou.

Brandão salientou que enquanto futuros professores devem, com ajuda da imprensa, divulgar os valores da educação , porque, segundo ele, só com a escola é que se pode desenvolver um país, e que a Guiné-Bissau não foge a regra.

ANG/MSC/ÂC/SG


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw