Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Terça, 26 de Setembro de 2017
Todas as categorias
Economia
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Castanha de Caju/ Ministro das Finanças diz não haver “impedimento legal” aos operadores estrangeiros de fazer a campanha

2017-05-12

(ANG) – O ministro das Finanças, João Aladje Mamadú Fadia disse hoje que não há nenhum “impedimento legal” aos operadores estrangeiros de fazerem a campanha de caju este ano, conforme a proposta lei, do Ministério do Comércio e Promoção Empresarial.



João Aladje Mamadú Fadia fez esta declaração à imprensa à saída da audiência que manteve hoje com o chefe de Estado José Mário Vaz e explicou que todos os operadores têm apenas que cumprir com as suas obrigações fiscais para poderem ser livres de participar na campanha.

Sobre as recentes afirmações do Presidente da República que considerou inaceitável que a castanha esteja a ser comprada ao produtor por 500 francos CFA, quando há escassos quilómetros da fronteira do país com o Senegal o produto chega a ser comprado à 1.500 francos CFA, disse que o preço a praticar depende da lei do mercado interno.

O ministro das Finanças sublinhou que no momento o preço da castanha de caju subiu significativamente ao ponto de ultrapassar os 500 francos cfa, preço inicial, “o que é muito positivo para os produtores”.

“Da forma como andam as coisas, a campanha deste ano vai ser bom para o Estado porque a exportação constitui uma fonte de receita importante para o tesouro público”, considerou.

ANG/FGS/ÂC/SG


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw