Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Sexta, 16 de Novembro de 2018
Todas as categorias
Internacional
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Atentado à selecção do Togo/ Tribunal de Paris condena André Mingas a cinco anos de prisão

2017-06-09

(ANG) -O tribunal de Grande Instância de Paris, 16ª Câmara Correccional, condenou quarta-feira a cinco anos de prisão, por associação terrorista, o cidadão André Rodrigues Mingas, de nacionalidade francesa, natural da província angolana de Cabinda, ligado ao atentado na véspera da cerimónia de abertura do CAN'2010, indica uma nota de imprensa da Embaixada de Angola em França.



Auto-intitulado chefe do estado maior da Flec-PM, André Mingas reivindicou na altura a autoria pelo seu movimento do atentado terrorista contra a caravana da selecção nacional de futebol do Togo, que participaria em Cabinda em mais uma Taça de África das Nações de Futebol, que Angola organizou em 2010.

O atentado ocorreu a 8 de Janeiro de 2010, dois dias antes do início do campeonato, tendo provocado a morte de dois cidadãos togoleses e o ferimento de 13 outros, entre cidadãos do Togo e membros da Polícia Nacional angolana que faziam a escolta da caravana. O julgamento teve início no dia 4 de Maio deste ano.

ANG/JA


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw