Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Segunda, 25 de Setembro de 2017
Todas as categorias
Agricultura
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Campanha agrícola 2017/2018/ Autoridades confirmam “ atraso” nos cultivos nas regiões

2017-07-14

(ANG) – “ Há um grande atraso nas actividades de lavoura em quase todas as regiões” da Guiné-Bissau.



A conclusão consta no “Boletim Agro-Hidro-Meteorológico de Seguimento da Campanha Agrícola 2017/2018” relativo aos meses de Maio e Junho últimos.

De acordo com este documento elaborado pelos técnicos de diferentes instituições públicas ligados ao sector, muitos campos foram desmatados mas ainda continuam sem serem cultivados.

Sobre a situação fitossanitária, o estudo garante que é “calma”, apesar de existir infestações de gafanhotos nas culturas de mandioca, caju, jaca e citrinos na região de Tombali (Sul).

No que tange as condições agro-climáticas na produção agrícola, lê-se que “ a partir de Junho é que as condições foram propícias “ e que alguns camponeses, sobretudo de leste do país, é que aproveitaram as chuvas para a lavoura.

Por isso, acrescenta o estudo, “actualmente essas culturas estão em fase de ramificação”.

Perante estes factos, o comité técnico público recomenda, entre outros, aos agricultores o respeito ao calendário agrícola, tendo em conta a previsão sazonal agro-climática.

Ao Ministério da Agricultura é recomendado o aumento do número de tractores para a Campanha Agrícola 2018/2019, “devido a elevada solicitação dos camponeses, sobretudo nas regiões de Bafatá e Gabú”, leste da Guiné-Bissau.

Por fim, os técnicos nacionais ligados ao sector agrário, pedem também a intervenção do governo, no combate aos gafanhotos na região de Tombali (sul), para se evitar a sua propagação para outras zonas do país.

A ANG apurou que as Delegacias Regionais da Agricultura estão a distribuir sementes de várias culturas aos camponeses um pouco por toda a Guiné-Bissau.

ANG/QC/SG


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw