Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Terça, 26 de Setembro de 2017
Todas as categorias
Justiça
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Direitos das mulheres e crianças/ Estudos concluem que entraves são aplicações das leis

2015-09-30

(ANG) – A maior parte dos entraves aos direitos das mulheres e das crianças na Guiné-Bissau não se situa ao nível das leis mas sim na sua aplicação.



Trata-se de uma das conclusões dos estudos sobre a violência contra mulheres, direitos económicos das mulheres, formas de trafico de crianças e quadro legal dos Direitos Humanos na Guiné-Bissau, apresentados recentemente em Bissau.

Segundo um comunicado da União Europeia enviado à ANG, a aplicação das leis relacionadas a proteccao das mulheres e crianças se esbarram com grandes dificuldades de meios, mas também nas mentalidades que prevalecem em muitos sectores.

O comunicado refere ainda que as contribuições recolhidas através desses estudos serão integradas nos relatórios finais de diagnostico, que tem como objectivo apoiar os trabalhos de elaboração de propostas de politicas e de legislação sobre mulheres e crianças.

Os referidos estudos foram financiados pela União Europeia e pela Cooperação Portuguesa, no quadro de um projecto denominado “ Ora de Diritu”(a hora do Direito), e visa contribuir para a melhoria da situação dos Direitos Humanos no pais, através da corresponsabilização dos actores públicos e privados pelo respeito efectivo, promovendo mudanças ao nível politico e formas de governação.

ANG/MSC/AC/SG


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw