Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Quarta, 18 de Julho de 2018
Todas as categorias
Internacional
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


TPI/ Autor da destruição de Tombuctu condenado a 2.7 milhões de euros de indemnização

2017-08-22

(ANG) - O Tribunal Penal Internacional (TPI) decidiu recentemente que o rebelde condenado pela destruição do Património Histórico Mundial, em Tombuctu no Mali, deve pagar 2.7 milhões de Euros em indemnizações.



Em Setembro de 2016, Ahmad Al Faqi Al Mahdi foi declarado culpado pela destruição do Património Mundial, em Haia, na Holanda.

Ahmad Al Faqi Al Mahdi era membro do grupo extremista Ansar Dine, e liderou os ataques que destruíram nove mausoléus e a porta da mesquita Sidi Yahia, em 2012. O tribunal ordena agora que Ahmad Al Faqi Ai Mahdi pague 1.17 milhões de Euros ao Mali e à comunidade internacional através da UNESCO.

A indemnização inclui, para além da quantia monetária, medidas simbólicas como um memorial ou cerimónia de perdão para que seja publicamente” reconhecido o dano moral causado à indústria da comunidade de Tombuctu e aos seus residentes. “Esse pedido de desculpas deverá ser transmitido através de um vídeo, para ser posteriormente publicado online no portal oficial da UNESCO.

ANG/e-Global Notícias em Português.


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw