Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Quarta, 14 de Novembro de 2018
Todas as categorias
Internacional
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Níger/ Policias condenados à prisão efetiva por baterem num estudante numa manifestação em Abril passado

2017-08-23

(ANG) - Três polícias foram condenados terça-feira a um ano de prisão efectiva e ao pagamento de 15 milhões de francos cfa de indemnização pelo Tribunal de Grande Instância de Niamey, Níger por terem batido num estudante, aquando das manifestações de 10 de Abril passado.



“O estudante sob efeito de golpes de matraca foi obrigado a gritar alto e em bom som e por várias vezes, abaixo o USN, viva a polícia”, refere a Agência de Informação do Níger (ANP)

Segundo a ANP, os agentes implicados foram desmascarados através de um vídeo divulgado nas redes sociais, e foram detidos por ordem dos seus chefes que os acusam de violação da ética e deontologia que regem os serviços de manutenção da ordem pública.

Segunda-feira, 10 de Abril deste ano, os estudantes da Universidade Abdou Moumouni de Niamey, desencadearam uma manifestação reivindicando o cumprimento do protocolo de acordo assinado com o governo relativo ao pagamento de bolsas em atraso e d apoio social.

A intervenção das forças de defesa e de segurança no estabelecimento universitário se generalizou, e um estudante de terceiro ano de sociologia, Mallah Kelloumi Bagalé foi morto, vítima de um tiro disparado por um polícia não identificado, segundo o relatório da comissão de inquérito independente entregue ao primeiro-ministro, no passado dia 17 de Agosto.

O referido relatório deu conta da existência de muitos feridos tanto da parte de estudantes como da das forças da ordem.

ANG/FAAPA


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw