Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Terça, 24 de Outubro de 2017
Todas as categorias
Desporto
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Desporto/ Federação de Futebol promete renovar contrato com empresa desportiva “Quelmes”

2017-08-25

(ANG) – A Federação de Futebol da Guiné-Bissau (FFGB), manifestou o interesse em renovar o contrato com a marca desportiva “Qelmes”, apesar de incumprimentos do contrato em vigor por parte da referida empresa.



O interesse foi manifestado pelo presidente da Federação de Futebol, Manuel Irério Nascimento Lopes,no decurso de um encontro que manteve recentemente com o representante da Quelmes.

Na ocasiao, Nascimento Lopes disse que o encontro serviu para concertar alguns lapsos que a empresa tinha cometido em relação ao acordo entre as partes, que ainda esta em vigor.

Relativamente a renovação do contrato, o presidente da FFGB destacou que apesar desta sua vontade em renovar o acordo, que termina em Outubro próximo, a sua decisão final só é tomada após ter pareceres dos responsáveis de clubes de futebol e de membros da comité executivo da FFGB.

Aquele responsável disse que o representante da Quelmes garantiu que tudo faria para corrigir as falhas cometidas.

Manuel Irénio Nascimento Lopes revelou que numa das cláusulas do contrato consta a produção de todos os leques de equipamentos desportivos de que necessita uma selecção de futebol.

“Mas não aconteceu assim, porque os primeiros lotes de equipamentos que recebemos da Quelmes chegou incompleto, não continha bonés, chinelas e outros elementos”, referiu o presidente da FFGB.

Por seu turno o representante da marca “Quelme” Leopold Kanfoudy, confirmou que analisou com o presidente da FFGB, a forma de encontrarem uma solução a fim de porem de lado os problemas que afectam as duas entidades, já que o contrato estabelecido só terminara em Outubro deste ano.

Aquele representante reconheceu perante à imprensa, que de facto houve falha na entrega dos equipamentos à FFGB no momento da participação da selecção nacional no CAN-2017 ,no Gabão.

No entanto, justificou que tudo se deve ao atraso da solicitação ao centro de produção da empresa na China.

“Mas se tudo correr bem, até o próximo ano queremos instalar a nossa Fábrica na Guiné-Bissau ou então no Ziguinchor para evitar mais atrasos do genero”, justificou.

Leopold Kanfoudy assegurou que enquanto a FFGB achar conveniente a sua relação com a Quelmes, a empresa desportiva vai prosseguir as acções de projecção da imagem dos Djurtos.

ANG/LLA/JAM/SG


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw