Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Sábado, 25 de Novembro de 2017
Todas as categorias
Ensino
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Ensino público/ CONAEGUIB apela declarações construtivas de governantes de modo a garantir o curso normal do ano lectivo

2017-11-07

(ANG) - O Vice-presidente de Confederação Nacional das Associações Estudantis de Guiné-Bissau (CONAEGUIB) apelou hoje os governantes no sentido de serem mais construtivos nas suas declarações, por forma a não pôr em causa, o início normal do presente ano lectivo no ensino público guineense.



Mutaro da Silva falava à Agência de Notícia da Guiné, face a situação do atraso das aulas verificado no ensino público e igualmente concernente a recente declaração do ministro do comércio, na qual chamou os professores guineenses de incompetentes.

"A abertura do ano lectivo foi dada no dia 12 do mês findo e até então não está a ser verificado o normal funcionamento das aulas. Assim sendo, nós na qualidade da Confederação dos alunos apelamos ao governo e aos sindicatos do sector, no sentido de tudo fazerem para não comprometer o ano lectivo em curso", apelou aquele responsável.

Mutaro da Silva sublinhou que é importante começar as aulas no período previsto no calendário escolar, tendo justificando que na Guiné-Bissau muitos estudantes costumam ajudar os familiares na lavoura durante a época das chuvas.

"Podemos dizer que 80 por cento dos estudantes dependem da prática de agricultura para sobreviver e para custear os seus estudos", referiu Mutaro da Silva.

ANG/AALS/QC/SG


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw