Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Segunda, 16 de Julho de 2018
Todas as categorias
Sociedade
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Solidários às sanções da CEDEAO/ Movimento de Inconformados declara desobediência a ordem que impede manifestação

2018-03-02

(ANG) - O Movimento dos Cidadãos Conscientes e Inconformados, na pessoa de Badilé Domingos Sami acusou quarta-feira o Ministério do Interior de ter recusado receber uma carta através da qual pede autorização para promover uma manifestação no domingo a favor a aplicação das sanções contra 19 personalidades guineenses decididas pela CEDEAO.



Em conferência de imprensa, Sami afrimou que tentou, duas (02) vezes pedir autorização para a referida manifestação mas que o Ministério do Interior recusa “categoricamente” receber a carta.

Badilé Domingos Sami que é membro do Movimento dos Inconformados com a actual situação política no país, adverte que o Movimento não irá acatar nenhuma ordem “ilegal” que obstaculiza a realização da manifestação do Domingo e que terá lugar de forma pacífica e ordeira “como sempre acontece”.

Sami responsabiliza directamente ao Presidente da República, José Mário Vaz, “de tudo” o que poderá acontecer com “qualquer” cidadão durante a manifestação a ser realizada no próximo domingo.

Para os inconformados existem descriminações em relação a manifestações no país. Segundo Badilé, brevemente o Movimento irá dirigir uma carta à comunidade internacional citando nome das pessoas que continuam a restringir a liberdade de manifestação e de reunião no país.

No passado dia 18 de Fevereiro, um grupo de partidos (liderado pelo Partido da Renovação Social(PRS) e por grupo dos 15 expulsos do PAIGC) realizou uma marcha, na cidade de Bissau até perto da sede da CEDEAO, contra as sanções impostas pela CEDEAO e sua mediação.

ANG/Rádio Sol Mansi


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw