Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Sexta, 20 de Julho de 2018
Todas as categorias
Destaques
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Turismo/ União Europeia lança segunda edição do Guia Turístico da Guiné-Bissau

2018-05-11

(ANG) - A União Europeia, em colaboração com a Organização Não Governamental denominada “Afectos com Letras” lançaram hoje a segunda edição do Guia Turístico guineense no qual foi revista e atualizada os dados da edição anterior.



Na ocasião, o Embaixador da União Europeia na Guiné-Bissau, Victor Madeira dos Santos aconselhou aos guineenses a preservarem as suas diversidades culturais e a protegerem sempre as suas biodiversidades.

“A Guiné-Bissau possui uma herança cultural bastante rica e diversificada, possui igualmente um solo bastante rico, por isso, é necessário um empenho de forma conjunta no sentido de preservação das referidas riquezas de modo a promover o benefício comum”, disse Madeira dos Santos.

Informou que o referido Guia Turístico será disponibilizado em online para consultas gratuitas de qualquer que seja pessoa interessada, e em diferentes línguas.

Victor Madeira dos Santos agradeceu o apoio das embaixadas de Espanha, Portugal e França no que concerne as traduções e alterações baseadas nos termos linguísticos.

Por sua vez, a Presidente de ONG “Afectos com Letras” ,Joana Benzinho destacou que a primeira edição do Guia lançado em Fevereiro de 2016 veio colmatar uma enorme lacuna em termos de acesso à informação sobre as características económicas, sociais, culturais ou geográficas da Guiné-Bissau.

Acrescentou que apesar de a Guiné-Bissau ter passado por momentos de conflitos e crises a sua biodiversidade não foi abalada.

“Este trabalho é importante, mas não é fácil porque para o fazer temos que percorrer centenas de quilômetros de carros e outras milhas em barcos ou pirogas em busca de mais interesse deste maravilhoso país. Mais no fim valeu a pena o sacrifício”, considerou.

Joana Benzinho afirmou que a Guiné-Bissau tem vários recursos que podem ditar uma mudança positiva no seu futuro e que o desenvolvimento do turismo sustentável é sem dúvida um deles.

Na nota final do guia intitulado “À descoberta da Guiné-Bissau”, Joana Benzinho e Marta Rosa duas obreiras do livro de 167 páginas escreveram “Trouxemos até vós......belezas escondidas e muitas vezes desconhecidas da Guiné-Bissau”.

ANG/AALS/ÂC/SG


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw