Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Quarta, 12 de Dezembro de 2018
Todas as categorias
Política
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Integração Regional/ UEMOA reforça situação da Guiné-Bissau no espaço comunitário

2015-11-03

(ANG) – Cerca de trinta participantes do seminário de sensibilização sobre as regras de origem e regime tarifário preferencial da União Monetária da África de Oeste (UEMOA) recomendaram ao Governo e aos actores econômicos no sentido de procederem ao recenseamento das unidades industriais susceptíveis de beneficiar as regras tarifárias da comunidade.



No final do evento que decorreu em Canchungo, entre os dias 26 e 28 de Outubro, os participantes exortaram a UEMOA no sentido de organizar regularmente, eventos informativos para agentes de diferentes subsectores de actividade econômica regional.

Os intervenientes destacaram a necessidade de se garantir às empresas a assistência na montagem de dossiês para a obtenção de certificados de origem para produtos originários do espaço comunitário.

A reformulação e redinamizarão da parceria público-privada e promoção da melhoria no desempenho das empresas industriais nacionais foram igualmente recomendadas.

Por último, os seminaristas pediram à Comissão da UEMOA mais empenho na prestação de assistência à Guiné-Bissau através de programas de reforço de capacidades para os sectores público e privado.

Por sua vez, o Administrador do sector de Canchungo pediu aos conferencistas para transmitirem aos que não tiveram a oportunidade de participar no evento os conhecimentos adquiridos durante os dias de formação.

Pedro Mendes Pereira referiu que a língua oficial da Guiné-Bissau é o português, pelo que é aconselhável que os documentos ministrados nos seminários do gênero sejam doravante, traduzidos em português para permitir uma maior participação nos debates e melhor enquadramento dos participantes quanto ao objetivo da união.

O representante da UEMOA no país explicou que o propósito do referido encontro visa reforçar as trocas comerciais e a integração da Guiné-Bissau nos programas comerciais em curso na União.

Mouhamed Hassani disse esperar, que a todo o momento, os produtos da Guiné-Bissau tenha certificado do espaço comunitário e que sejam vistos nos diferentes circuitos dos Estados membros, por ser um país com grandes potencialidades.

Por fim apelou à todos os participantes a representarem o vector da multiplicação dos objetivos e regras da UEMOA à todos os níveis, porque só assim é que os guineenses poderão beneficiar das vantagens da sua integração na organização regional.

ANG/FGS/SG


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw