Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Terça, 16 de Outubro de 2018
Todas as categorias
Internacional
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Cooperação/ China promete 60 mil milhões de dólares em crédito para África

2018-09-04

(ANG) - O Presidente chinês Xi Jinping anunciou hoje, no Fórum de Cooperação China-África, em Pequim, 60 mil milhões de dólares em assistência e empréstimos para os países africanos



“A China decidiu emprestar um total de 60 mil milhões de dólares no formato de assistência governamental e através de investimento e financiamento de instituições e empresas”, disse.

Xi Jianping falava no Grande Palácio do Povo, o parlamento chinês, perante dezenas de chefes de Estado e de Governo do continente africano, no arranque da terceira cimeira do Fórum de Cooperação China-África (FOCAC).

O Presidente da China defendeu que os investimentos chineses na África não envolvem laços políticos já que Pequim não interfere nos assuntos internos dos países africanos nem impõe as suas demandas.

O líder chinês defendeu as relações de “benefício mútuo” com o continente em um diálogo de alto nível realizado hoje com líderes e representantes empresariais chineses e africanos, uma reunião antes de abertura do Fórum de Cooperação China-África (FOCAC), nesta tarde.

XI citado pela Agência estatal “Xinhua”, argumentou que esses investimentos chineses na África fazem parte da iniciativa das chamadas “Novas Rota da Seda”, o grande plano de investimento global da China.

Ele enfatizou que o investimento chinês é direcionado àqueles lugares onde a infraestrutura é inadequada ou há falta de desenvolvimento.

“Historicamente e naturalmente, a África é uma extensão do desenvolvimento das “Novas Rotas da Seda” e um importante participante da iniciativa”, acrescentou o presidente chinês.

Espera-se que Xi anuncie mais financiamento em empréstimos e subvenções para países africanos durante esta edição do FOCAC, já que no último, realizado em Johannesburgo em 2015, prometeu uma ajuda financeira de 60 mil milhões de dólares.

ANG/Lusa


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw