Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Quarta, 12 de Dezembro de 2018
Todas as categorias
Sociedade
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


LGDH/ Vice-presidente apela maior envolvimento do Estado no combate ao casamento forçado

2018-09-19

(ANG) – O Vice-Presidente da Liga Guineense de Direitos Humanos (LGDH), apelou hoje uma forte intervenção do Estado, no combate a prática de casamento forçado e precoce no país.



Em entrevista exclusiva á Agência de Notícias da Guiné (ANG), Vitorino Indequi, manifestou a sua preocupação sobre os dados estatísticos apresentados pela Associação dos Amigos das Crianças Guineenses (AMIC), segundo os quais foram registados no país 92 casos de casamento forçado entre 2009 e 2017.

Acrescentou que os dados apresentados pela AMIC não é nada bom para o país, pelo que o Estado deve aplicar medidas para travar o avanço da prática no país inteiro.

“A LGDH tem desenvolvido vários trabalhos com diferentes ONGs, sobretudo com a AMIC, de sensibilização das comunidades, a fim de levar os pais a compreenderem que nenhum ser humano deve ser obrigado a casar com quem não quiser”, disse Vitorino Indequi.

O Vice-presidente da LGDH assegurou que a referida prática já traumatizou várias meninas, ao ponto da sua Organização tever que arranjar psicólogos para assistí-las e reinseri-las na sociedade.

“Muitos encarregados de educação para fugir da responsabilidade de criar as netas, recorrem a casamentos forçados, havendo os que o fazem por benefício próprio , pondo em risco a vida da própria neta”, sustentou .

De acordo com Vitorino Indequi, a LGDH não vai desistir de trabalhar lado a lado com todas as ONGs que trabalham neste domínio, com a finalidade de desencorajar a prática.

ANG/LLA/ÂC//SG


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw