Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Segunda, 15 de Outubro de 2018
Todas as categorias
Desporto
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


CAN-2019/ Baciro Candé confiante num bom resultado frente à Zâmbia

2018-10-10

(ANG) - O selecionador nacional de futebol, Baciro Candé, mostrou-se terça-feira confiante em conquistar os três pontos frente à Zâmbia numa partida a contar para a terceira jornada da fase de grupos de apuramento para o Campeonato Africano das Nações (CAN) 2019 nos Camarões.



Nesta tentativa de chegar pela segunda vez a maior competição do futebol africano, os “Djurtus”, como é conhecido a seleção da Guiné-Bissau, venceram em casa a Namíbia e empatou recentemente com Moçambique e divide a liderança com a seleção orientado por Abel Xavier, ambos com 4 pontos.

Em declaração exclusiva à Radio Jovem, a partir de Lusaka, capital da Zâmbia, Candé assegura que o objetivo do grupo é trazer um bom resultado diante dos zambianos, mas alertou para a qualidade e experiência do adversário.

“O nosso objetivo de sempre é trabalhar para trazer um bom resultado para os nossos conterrâneos, embora saibamos das dificuldades que vamos ter pela frente”, vincou Candé.

A Guiné-Bissau empatou a 8 do mês passado 2-2 frente a Moçambique, em jogo do Grupo K no Estádio do Zimpeto, em Maputo, graças aos golos de Carlos Embaló e Federik Mendy, e defronta hoje (10 de Outubro), a Zâmbia, e no dia 14 do mesmo mês, em Bissau, no Estádio Nacional 24 de Setembro, voltará a medir forças com a mesma seleção.

Candé fez lembrar aos guineenses que a Zâmbia é uma excelente seleção e que já foi campeão Africano em 2012, batendo na final a Costa do Marfim, na disputa por penaltis (8 a 7).

Fez saber ainda que a turma nacional vai continuar a utilizar a sua arma, que é a coletividade, na busca de um bom resultado para o segundo jogo em Bissau que poderá permitir a qualificação da turma nacional para o CAN 2019.

A seleção nacional não vai poder contar com o contributo de Pelé. O jogador do Mónaco(França) cumpre castigo neste encontro de Lusaka, mas já estará disponível para defrontar a Zâmbia, em Bissau no próximo sábado, segundo a indicação de Candé.

Na lista de 21 atletas convocados para o duplo confronto com a Zâmbia, divulgado pelo selecionador nacional, Baciro Candé, o destaque vai para o regresso do defesa central Rudinilson Silva, que esteve ausente no último jogo frente a Moçambique e ainda a nota para a chamada de Jorge Intima, que fará a sua estreia nos jogos oficiais pela seleção, embora tenha jogado uma vez pelos “Djurtus”.

Moçambique e Guiné-Bissau dividem o primeiro lugar do grupo, com quatro pontos, enquanto Zâmbia e Namíbia, que empataram 1-1 na segunda jornada, somam um. O CAN 2019 vai decorrer pela primeira vez no mês de Junho e vai contar também, pela primeira vez, com 24 seleções.

ANG/Rádio Jovem


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw