Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Segunda, 22 de Julho de 2019
Todas as categorias
Justiça
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Caso arroz da China Popular/ Líder do MDG diz que Guiné-Bissau está refém de malfeitores

2019-04-10

(ANG) – O líder do Movimento Democrático Guineense (MDG), Silvestre Alves afirmou terça-feira que o país está refém de mal- feitores, e que, continuando no caminho em que está, nunca mais sairá do marasmo em que se encontra.



Silvestre Alves citado pela Radio Bombolom, comentava sobre o alegado envolvimento do ministro da Agricultura e Desenvolvimento Rural no alegado desvio de arroz doado pela República Popular da China as autoridades de Bissau para fins de caridade.

“Ou seja, uma ajuda que devia ser canalizada através de um departamento de Estado é desviada para alimentar o ego de certas pessoas e enganar o eleitorado, é escandaloso.

Tirando o ex-Presidente da República João Bernardo Vieira (Nino Vieira) que não comportava desta maneira, todos os restantes se envolveram neste carnaval de desorganização do Estado “,disse.

Alves frisou que dificilmente o Presidente da República vai equidistar da situação, salientando que não sabe que ligação tem com as partes envolvidas no caso ou seja a República Popular da China o doador, o ministro da Agricultura e o seu eterno e patético projecto denominado Mão na Lama”, criticou.

Alves disse ser triste chegar a esta constatação, frisando que a Nação está a ser gozada ou está refém de malfeitores.~

Para além das quantidades de arroz que a Policia Judiciaria aprendeu no interior do país, concretamente em várias localidades do Leste e Norte, na terça-feira, foram recuperadas igualmente 1000 sacos numa taberna de um cidadão Mauritaniano no Bairro de Brá arredores da capital Bissau, e o proprietário se encontra em fuga.

ANG/MSC/AC//SG


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw