Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Sábado, 25 de Maio de 2019
Todas as categorias
Sociedade
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Greve na função pública/ Porta Voz da UNTG fala em adesão superior a 90 por cento

2019-05-08

(ANG) – O porta-voz da comissão negocial da greve da União Nacional dos Trabalhadores da Guiné (UNTG), José Alves Té, disse que a adesão a greve foi superior a 90 por cento após o cumprimento do primeiro de três dias da greve na função pública guineense.



“Quero agradecer à todos os funcionários pela aderência porque afinal sentiram na pela a forma como estão a ser tratados e ganharam a consciência ao ponto de reivindicarem os seus direitos. Portanto, quero informar a todas as estruturas filiais da UNTG que a adesão é superior a 90%”, disse.

José Alves Té afirmou que nunca foi o prop?sito dos sindicatos irem para a greve, a última arma dos trabalhadores, mas que, devido a falta de mecanismos de resolução dos problemas, foram empurrados para a via da greve como forma de fazer valer os seus direitos.

Referiu que a UNTG entregou o caderno reivindicativo ao governo desde passado mês de janeiro, mas que nunca recebeu uma convocatória do executivo para se discutir alguns pontos elencados no caderno e que em Abril avançou com um pré-aviso de greve com 37 pontos em reivindicação.

Alves Té declara que a comissão negocial de greve está disposta a sentar-se com governo assim que este solicitar as duas centrais sindicais do país que reivindicam o pagamento dos salários de Março e Abril e o aumento do salário mínimo de 50 mil para 100 mil francos cfa.

ANG/ÂC//SG


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw