Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Terça, 21 de Novembro de 2017
Todas as categorias
Ambiente
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Movimento Acção Cidadã preocupado com abate de árvores nas ruas de Bissau

2015-07-02

(ANG) - A organização cívica, “Movimento Acção Cidadã” e o colectivo de “Cidadãos por Bissau” manifestaram uma “grande preocupação sobre a forma como se tem vindo a abater e podar as árvores das ruas da capital sobretudo, nas principais avenidas”.



Numa “Carta Aberta” dirigida ao Presidente da Câmara Municipal de Bissau (CMB) à que a ANG teve acesso hoje, estas duas organizações questionaram se existe algum plano de replantação das árvores derrubadas, tendo em conta nomeadamente, a sua importância na minoração da poluição e na atenuação do clima pela quantidade de vapor de água que emite para o ambiente nos seus processos fisiológicos.

Segundo o “Movimento Acção Cidadã e colectivo “Cidadãos por Bissau”, caso não existir este plano, é “inaceitável levar a cabo uma ação de devastação das árvores nesta cidade, sem um plano concreto e credível de replantação”.

“A arborização urbana é, por tudo isto, essencial à qualquer planeamento urbano e tem funções importantíssimas: propiciar sombra, purificar o ar, atrair aves (que controlam insectos), diminuir a poluição sonora, constituir factor estético e paisagístico, diminuir o impacto das chuvas, contribuir para o balanço hídrico, valorizar a qualidade de vida local, assim como economicamente”, acrescentam as duas entidades não governamentais.

Por isso, as mesmas dizem aproveitar esta missiva pública dirigida ao Adriano Ferreira para “reivindicar e propor que sejam tomadas medidas para uma comunicação mais aberta e direta da Câmara Municipal de Bissau com os habitantes da Capital para, segundo elas, favorecer, por um lado, uma governação transparente e democrática da cidade e, por outro lado, um exercício pleno de cidadania dos habitantes de Bissau.

ANG/QC/JAM/SG


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw