Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Quinta, 23 de Novembro de 2017
Todas as categorias
Comunicações
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Comunicação social/ Ministério Público pede suspensão provisória do programa "Cartas na Mesa" da RDN

2015-12-07

(ANG) -O Procurador-Geral da República da Guiné-Bissau, António Sedja Mam, ordenou a suspensão de um programa de debate na Rádio Difusão Nacional (RDN), alegando “zelo pela ordem,paz, estabilidade e segurança institucional.



"É temporariamente suspenso o programa do debate que é realizado aos sábados na RDN sob moderação do senhor Ricardo Semedo", refere o documento a que a ANG teve acesso, assinado pelo PGR e dirigido na sexta-feira ao director da RDN, Francisco Muniro Conté.

Sedja Man justifica a medida com "a situação político-social que se vive no país", sem especificar, e com a necessidade de "salvaguardar" o que classifica como "valores éticos superiores" da "ordem, paz, estabilidade" e "segurança institucional", tanto do "ponto de vista interno" como "externo".

Numa declaração à RDN, Muniro Conté assegurou que o programa em causa vai continuar a ser emitido, por não representar nenhuma violação à lei.

Aliás a ordem de suspensão foi transmitida a direção da RDN na sexta-feira mas o programa foi emitido no sábado.

Jamel Handem, um dos intervenientes do programa manifestou a sua estranheza pela decisão do Procurador-geral da Republica por considerarem que o mesmo não representa nenhuma ameaça à a paz e estabilidade.

“Cartas na Mesa” é um espaço de debate sobre temas de actualidade, com destaque para a política, em que diferentes comentadores exprimem as suas opiniões sobre os acontecimentos da semana.

O painel fixo de comentadores inclui Suleimane Cassamá e Jamel Handem, ambos economistas, tendo deixado o programa há poucas semanas um terceiro comentador, Seco Cassamá, engenheiro ambiental, nomeado pelo Governo para um cargo público.

O PGR, António Sedja Mam, foi nomeado para o cargo há duas semanas pelo Presidente da República, José Mário Vaz.

ANG/MSC/SG


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw