Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Quinta, 23 de Novembro de 2017
Todas as categorias
Comunicações
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Ensino/ Ministério procura novo parceiro mundial

2015-12-11

(ANG) – A ministra da Educação Nacional, Maria Odete Semedo fez hoje um balanco positivo das actividades desenvolvidas no quadro do apoio da Parceria Mundial para Educação.



Odete Semedo que falava no decurso da reunião anual do Grupo Local para Educação .disse qua na primeira fase foram construídas 75 escolas e 25 latrinas e na segunda 76 escolas com suas respectivas latrinas.

A governante ainda destacou a confecção de livros escolares e realização de reformas curriculares que irão culminar com a elaboração de um plano de estudo para escolas de formação de professores.

Maria Odete Semedo referiu que de momento, estão a identificar, a semelhança de outros países, e em colaboração com Banco Mundial, uma nova entidade supervisora da Parceria Mundial para Educação (PME).

Até aqui o Fundo das Nações Unidas para Infância (UNICEF) tem sido a entidade supervisora e coordenadora de todo o processo.

Interrogado sobre a intenção de introdução de uma disciplina que fala da saúde reprodutiva no corículo escolar, Odete Semedo informou que já fizeram alguns trabalhos sobre o assunto e que o manual se encontra na Imprensa Nacional para confecção, com apoio do Banco Africano para Desenvolvimento, BAD.

A representante do UNICEF, Cristina Brutcholó enalteceu a importância do encontro por possibilitar a discussão sobre o futuro da Parceria Mundial para a Educação (PME) e a identificação dos parceiros que devem trabalhar com governo para a elaboração do Plano Estratégico do Sector Educativo.

Brutcholó informou que a PME executou 70 por cento do orçamento em todas as actividades previstas para este ano e os 25 por centos restantes serão executados no próximo e ultimo ano de parceria.

"Os 70 por cento do orçamento foram implementados na revisão curricular da primeira à nona classe, construção de 50 salas de aulas em 2014, 75 salas em 2015 , e no inicio da construção de três centros de formações, em Buba, Cacheu e Bafatá .

Adiantou que para o próximo ano vão ser construídas nesse quadro mais 76 salas de aulas. ANG/LPG/SG


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw