Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Domingo, 17 de Dezembro de 2017
Todas as categorias
Cultura
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


INCA promete capacitar novos produtores no domínio de filmagem

2016-01-07

(ANG) - O Instituto Nacional de Cinemas e do Audiovisual (INCA) promete levar a cabo ainda no decurso de 2016, uma acção de formação destinada aos novos produtores cinamatograficos nacionais no domínio de filmagens.



A promessa foi feita hoje à Agência de Notícias da Guiné pelo Presidente da INCA Leonardo Cardoso em jeito de balanço das actividades realizadas em 2015, que acrescentou que ao longo deste ano irão proceder a apresentação de filmes nas escolas e nalgumas vias públicas do pais.

“Estes filmes trarão assuntos essencialmente educativos”, explicou o presidente do INCA para de seguida anunciar o seu proposito de, no mesmo periodo, realizar uma campanha de recenseamento de todos os salões de filmes e video-clubes existentes no país de forma a fazé-los contribuirem na economia nacional.

Os equipamentos para a realização deste cinema móvel, nomeadamente um ecrã gigante ja foi adquirido pelo INCA, através dos apoios de que beneficiou de alguns parceiros.

Contudo, o Presidente do INCA lamentou a falta de meios financeiros para o exercício das suas actividades pelo que exortou ao governo no sentido de prestar mais atenção ao Instituto em prol do desenvolvimento da cultura guineense.

“Na Guiné-Bissau os direitos culturais dos cidadãos não são respeitados, nomeadamente a falta de escolas, de cinemas, de promocão das artes e literatura, porque o governo não criou condições para tal”, justificou.

Leonardo Cardoso lamentou a extinção das instituições culturais no país, nomeadamente as Casas da Cultura, da Edição de Livros e Discos, do Conselho Nacional de Cultura, de salões de exibição de filmes, tais como "IIIº Congresso", da "União Desportiva Internacional de Bissau".

"Hoje em dia deixaram de existir e passamos a emprestar o Centro Cultural Francês e do Brasil para realização de eventos culturais”, deplorou.

Entretanto, o Presidente do INCA prometeu inverter a situação, contando para isso com a colaboração do executivo. ANG/LPG/JAM


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw