Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Quinta, 13 de Dezembro de 2018
Todas as categorias
Política
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Crise política/ LGDH apela as partes máxima contenção

2016-01-25

(ANG) - O Presidente Liga Guineense dos Direitos Humanos (LGDH) pediu hoje as partes em divergência no seio do PAIGC a maior contenção possível para preservar o clima de tranquilidade no país, enquanto se procura uma solução.



A saída do encontro com o Presidente da Republica, Augusto Mário mostrou-se muito encorajado, devido a vontade de trabalhar para que haja a paz, estabilidade e coesão social que lhe foi manifestada pelo chefe de estado .

O Presidente da LGDH garantiu que vai prosseguir com essas acções junto as restantes partes implicadas no sentido de encontrar uma solução para a crise política vigente.

Augusto Mário informou que expôs à José Mário Vaz as suas preocupações sobre alegados desvios que se verificam neste momento com relação as leis.

“Como sabem, nós estamos num Estado de Direito onde a regra base é o primado da lei, e ela constitui o critério e limite de actuação de qualquer autoridade, seja pública ou privada. Portanto, todos os atores devem respeitá-la”, frisou.

Segundo a LGDH, a resolução da Comissão Permanente da ANP viola a lei, mas também, a atitude dos contestatários de assumir a direcção do parlamento é contra todas as disposições legais, porque “não só viola a lei como põe em causa os princípios da legalidade”.

Augusto Mario da Silva pediu ao chefe de Estado para usar a sua magistratura de influência para chamar à mesa as partes por forma a que seja encontrada uma solução para actual crise.

ANG/LPG/SG


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw