Mapa do sítio  |  Contactos  
    
Início          Sobre a ANG          Internacional          Desporto          Cultura          Galeria Quarta, 14 de Novembro de 2018
Todas as categorias
Internacional
Política
Economia
Saúde
Justiça
Agricultura
Ambiente
Infra-estruturas
Comunicações
Turismo
Cultura
Desporto
Regiões
Lusofonia
Cedeao
Internacional
Arquivo
Cooperação
Ensino
Religião
Anuncios
Tecnologia
Sociedade
Transportes


Síria/ Principais cidades respeitam a trégua

2016-02-29

(ANG)-As principais cidades da Síria acordaram domingo sem o som das bombas depois da entrada em vigor do cessar-fogo entre as forças governamentais e os rebeldes, informou o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).



A aviação russa anunciou a suspensão por um dia de todas as missões dos seus aparelhos no país para apoiar o cessar das hostilidades, segundo Serguei Rudskoi, representante do Estado-Maior das forças armadas russas.

O cessar-fogo entrou em vigor às 00h00 locais de sábado, após um acordo entre Rússia e Estados Unidos com o apoio das Nações Unidas. Exactamente no primeiro minuto de sábado, as armas silenciaram nos subúrbios de Damasco e na cidade de Aleppo, no norte do país, noticiou a AFP.

A população saiu às ruas para aproveitar o momento excepcional de calma. O Observatório Sírio dos Direitos Humanos revelou que a calma reinava nas províncias de Homs (centro), Damasco e na região de Aleppo (norte). Em todas elas há rebeldes e tropas do Governo.

Ocorreram apenas confrontos esporádicos entre as forças governamentais e os jihadistas do grupo Estado Islâmico e da Frente Al-Nosra, segundo o Observatório Sírio dos Direitos Humanos.

O mediador das Nações Unidas para a Síria, Staffan de Mistura, informou que há uma investigação aberta sobre um “incidente” ocorrido logo após a entrada em vigor do cessar-fogo, e avaliou que, inevitavelmente, vão ocorrer “incidentes”. A trégua, apoiada por uma resolução do Conselho de Segurança da ONU, é a primeira deste tipo em cinco anos de guerra, que já causou 270 mil mortos.

O cessar-fogo não envolve os grupos Estado Islâmico e Frente Al-Nosra, braço sírio da Al-Qaeda, que controlam importantes zonas do território sírio. ANG/JA


Publicidade




©Agência de Notícias da Guiné
Telefone: 0123-456-789
Email: geral@ang.gw