Select Page

Guerra Medio Oriente/MNE português destaca “sentimento de urgência” internacional na criação dos dois Estados

Guerra Medio Oriente/MNE português destaca “sentimento de urgência” internacional na criação dos dois Estados

(ANG) – O ministro dos Negócios Estrangeiros de Portugal destacou hoje a “enorme convergência” e “sentido de urgência” em relação à “solução dos dois estados” para o Médio Oriente dos 43 países europeus e árabes reunidos esta segunda-feira em Barcelona.

“Aquilo que depois de muitos e muitos anos estamos agora a ver pela primeira vez é esta conjugação de entendimento sobre aquilo que precisa de ser feito associado a um sentimento de urgência”, disse João Gomes Cravinho, em declarações à agência Lusa em Barcelona, no final da reunião da União pelo Mediterrâneo (UpM), que juntou responsáveis políticos pela diplomacia de 43 países e da União Europeia.

O ministro disse que houve no encontro “uma enorme convergência”, associada “a um sentimento de urgência” em torno da “necessidade de uma solução de dois Estados [israelita e palestiniano]”, que todos os países reconhecem “ser a única real possibilidade de uma solução para a paz e a estabilidade a longo prazo”.

O “ingrediente novo”, acrescentou, é “o sentimento de urgência” e de não ser aceitável e possível regressar à situação que existia antes do ataque a Israel de 07 de outubro por parte do grupo islamita radical Hamas, que controla o território palestiniano da Faixa de Gaza.

“Não podemos regressar ao 06 de outubro, àquilo que era uma paz podre, uma situação malsã anterior”, afirmou.

Segundo João Gomes Cravinho, no encontro da UpM houve também o reconhecimento da “necessidade absoluta” de prolongar a trégua na guerra em Gaza, em que já morreram 14 mil pessoas no território palestiniano, vítimas da operação militar com que Israel respondeu ao ataque do Hamas.

Só um cessar-fogo permanente permite “o trabalho diplomático e político”, que “é urgente para a solução dos dois estados”, mas também a entrada de ajuda humanitária em Gaza, disse João Gomes Cravinho.

Em resposta ao ataque do Hamas, Israel bombardeou a Faixa de Gaza nas últimas semanas e bloqueou o acesso ao território, impedindo o abastecimento.

O ministro dos Negócios Estrangeiros (MNE) defendeu que o prolongamento da trégua atual é possível, para além de ser necessária.

“Sentir-se-iam todos muito, muito defraudados em relação às expectativas de paz que existem. Se agora se regressasse aos bombardeamentos, acho que seria indesculpável e, portanto, é fundamental que agora se prolongue este cessar-fogo”, defendeu.

A Autoridade Palestiniana esteve representada hoje em Barcelona, mas Israel, um dos países fundadores da UpM, optou por não ir à reunião.

“Naturalmente que Israel tem de fazer parte desta solução e, por isso, temos muita pena que Israel não tenha estado”, disse o MNE, que realçou que a UpM não é, porém, uma “instância decisória” e a ausência do governo de Telavive não impediu “que se fizesse um bom progresso, precisamente na identificação das linhas comuns da comunidade Internacional como um todo” em relação à situação no Médio Oriente.

Para João Gomes Cravinho, “seguramente que Israel irá reconhecer que a sua segurança e o seu interesse de longo prazo está em contribuir para uma solução de dois estados”.

O ministro disse ainda que no encontro houve também “muitas referências”, que Portugal partilha, “de profunda preocupação em relação ao que se passa na Cisjordânia, com a extensão de colonatos ilegais” israelitas neste território palestiniano.

Em relação à proposta de Espanha para uma conferência internacional de paz para o Médio Oriente, João Gomes Cravinho disse que uma iniciativa dessas precisa de ter “uma sustentação prévia” e de um “diálogo sobre muitos aspetos que precisam de ser ponderados no quadro do desenvolvimento da solução de dois estados”.

A conferência de paz deve ser “o culminar desse processo” e se for feita “sem preparação, naturalmente, que não produziria resultados interessantes”, pelo que “de hoje para amanhã” não é viável.ANG/Lusa

About The Author

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Publicidade

Videos Recentes

Loading...

Siga-nos

Março 2024
D S T Q Q S S
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31