Select Page

Níger/Governo militar dá 72 horas para que a representante da ONU saia do país

Níger/Governo militar dá 72 horas para que a representante da ONU saia do país

(ANG) – O Governo militar do Níger ordenou, na terça-feira, à coordenadora das Nações Unidas no Níger, Louise Aubin, que abandone o país num prazo de 72 horas, através de um comunicado do Ministérios dos Negócios Estrangeiros hoje divulgado.

“O motivo desta decisão foram os obstáculos colocados pelo secretário-geral das Nações Unidas (ONU), António Guterres, com vista a impedir a plena participação do Níger na 78ª Assembleia-Geral da organização, que se realizou em Nova Iorque, em Setembro”, segundo o comunicado do Governo nigerino.

O regime militar já tinha denunciado as acções de António Guterres, que, segundo o executivo, visavam obstruir a participação do representante do Níger neste evento e “minar todos os esforços para pôr fim à crise”.

Os generais no poder no Níger enviaram a Nova Iorque o seu novo ministro dos Negócios Estrangeiros, Bakary Yaou Sangaré, que era o representante do país na ONU antes do golpe de Estado de 26 de Julho.

Os deputados denunciaram a recusa de Guterres em anotar a lista oficial de delegados do Níger. Sangaré não usou da palavra na Assembleia-Geral. ANG/Angop

About The Author

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Publicidade

Videos Recentes

Loading...

Siga-nos

Maio 2024
D S T Q Q S S
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031