Select Page

CAN 2023/Djurtus voltam aos treinos depois da derrota no jogo inaugral 

CAN 2023/Djurtus voltam aos treinos depois da derrota no jogo inaugral 

(ANG) –A Seleção Nacional de Futebol (Djurtus), realizou na tarde de domingo, uma sessão de treinos de recuperação, após a derrota de 2-0 sofrida diante da Costa de Marfim, no jogo inaugural do CAN 2023.

Segundo a  página oficial da Federação de Futebol, na rede social Facebook, a sessão de trabalhos de Domingo decorreu com menos intensidade.

Nessa sessão de trabalhos estiveram a disposição do selecionador Nacional Baciro Candé, todos os 25 jogadores selecionados.

O treino composto com sessões de corrida em “trote”, alongamentos e relaxamento muscular, com menor grau de especificidade.

A Guiné-Bissau perdeu por 2-0 frente à Costa do Marfim no Estádio Olímpico de Ebimpé, em Abidjan, em território marfinense.

O Campeonato Africano das Nações de futebol arrancou este sábado em Abidjan no Estádio Olímpico de Ebimpé com lotação esgotada, cerca de 60 mil espectadores.

O espetáculo começou dentro das quatro linhas com a cerimónia de abertura em que foram visíveis as diferentes culturas do país anfitrião, isto antes de se ouvir o hino da prova do grupo musical marfinense Magic System acompanhado pela cantora Yemi Alade e pelo cantor Mohamed Ramadan.

A cerimónia ficou encerrada com o discurso do Presidente marfinense Alassane Ouattara, que estava na tribuna presidencial com o Presidente guineense, Umaro Sissoco Embaló, e o Presidente da FIFA, Gianni Infantino.

As duas equipas entraram dentro das quatro linhas e foi o país anfitrião, a Costa do Marfim, que começou por ser perigoso.

Aos 4 minutos de jogo, numa das primeiras tentativas dos marfinenses, foi o médio Seko Fofana que abriu o marcador com um remate de pé direito que bateu o guarda-redes Ouparine Djoco, que actua nos belgas do Francs Borains.

A Costa do Marfim estava na frente do marcador e esteve muito próximo de marcar um segundo novamente por Seko Fofana, no entanto o remate bateu na trave para o jogador marfinense que actua no Al Nassr no clube saudita do internacional português Cristiano Ronaldo.

A única oportunidade dos guineenses foi da autoria de Mama Baldé, o avançado do Lyon, que rematou à baliza, mas o guarda-redes marfinense, Yahia Fofana conseguiu agarrar a bola.

No intervalo a Costa do Marfim vencia por 1-0.

A segunda parte acabou por seguir a mesma dinâmica do que a primeira. Os Elefantes dominavam, mas os Djurtus tentavam reagir.

Quando o jogo parecia equilibrar-se, Jean-Philippe Krasso, avançado marfinense, acabou por sentenciar o encontro com um segundo tento apontado aos 58 minutos.

A partir daí o jogo caiu de intensidade. Houve várias substituições que pouco mudaram a fisionomia do encontro.

A Costa do Marfim acabou por vencer por 2-0 a Guiné-Bissau no jogo inaugural do Campeonato Africano das Naçoes’2023 que decorre em território marfinense de 13 de Janeiro a 11 de Fevereiro.

Os Djurtus estão numa série de oito jogos sem marcar e de dez encontros sem vencer. Na próxima jornada, os guineenses defrontam a Guiné Equatorial, enquanto os marfinenses vão medir forças com a Nigéria.

Lembra-se que o segundo jogo da Guiné-Bissau, está agendado para o dia 18, frente a Guiné-Equatorial, que empatou na tarde de Domingo 1-1, com a Nigéria.ANG/ÂC//SG

About The Author

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Publicidade

Videos Recentes

Loading...

Siga-nos

Fevereiro 2024
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
2526272829