Select Page

50 anos de Independência/Primeiro-Ministro promete tirar Madina de Boé do isolamento em que se encontra

50 anos de Independência/Primeiro-Ministro promete tirar Madina de Boé do isolamento em que se encontra

(ANG) – O chefe do Governo prometeu  que até ao fim da presente legislatura  o Executivo  vai construir uma ponte sobre o Rio TcheTche com o objectivo de tirar Lugadjol (Madina de Boé) do isolamento em que se encontra.

Geraldo Martins fez esta promessa, em Madina de Boé,  berço da independência do país, durante uma sessão especial comemorativa dos 50 anos da proclamação da independência do país, cujo ato oficial teve lugar  no sector de Boé, região de Gabú, leste do país, no domingo(24).

Disse que o Governo vai intervir ainda na  área da saúde e educação em resposta as solicitações da população local .

de acordo com algumas preocupações das populações local, ou seja, são aspectos que fazem parte do Programa de Emergência do Governo .

Martins diz serem preocupações enqquadradas no Programa de Emergência do Governo, que ainda prevê  intervenções  pontuais para a melhoria da estrada que liga Tchetche à  Madina de Boé.

 “O que se  quer a médio prazo é vir a ter estradas com melhores condições.De momento,o que se está a fazer passa por tornar as estradas transitáveis”, disse.

Martins referiu que, provisoriamente, foi colocada uma pequena embarcação para a atravessia do rio Tchetche, mas que, assim que for possível outra embarcação de maior capacidade será ali colocada .

“Com esta ação foi dado o primeiro passo no sentido de tirar  Lugadjol e toda a região de Boé de isolamento em que se encontra, com base no plano do governo, que consiste em criar outras infraestruturas incluindo a construção da ponte sobre o Rio TcheTche até ao final desta legislatura”, reiterou.

Os 50 anos de independencia foram marcados pela realização de uma sessão especial da ANP que consistiu  na reconstituição da Assembleia constituinte do parlamento guineense, que culminou com a proclamação unilateral da independência nacional do jugo colonial, em Lugadjol, Madina Boé,Leste do país, a 24 de Setembro do 1973, na voz do ex-presidente João Bernardo (Nino)Vieira.

Boé se situa a mais de 300 quilómetros de Bissau numa zona montanhosa que faz fronteira com a Guiné-Conacri. Para além das dificuldade de acesso á essa localidade, as suas populações entrentam dificuldades relacionadas a falta de água, comunicações,infraestruturas de ensino e saúde. ANG/MSC/ÂC//SG

About The Author

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Publicidade

Videos Recentes

Loading...

Siga-nos

Abril 2024
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930