Select Page

EUA/Biden alerta que democracia “está em jogo” depois de nova vitória de Trump

EUA/Biden alerta que democracia “está em jogo” depois de nova vitória de Trump

(ANG) – O Presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, alertou que a democracia “está em jogo”, depois de o rival republicano Donald Trump ter vencido as primárias em New Hampshire.

“É agora claro que Donald Trump será o nomeado republicano. E a minha mensagem para o país é que o que está em jogo não podia ser maior. A nossa democracia. As nossas liberdades individuais (…). A nossa economia (…). Tudo está em jogo”, escreveu Biden, num comunicado divulgado na terça-feira à noite.

Também a equipa de campanha de Biden considerou que, com a vitória na noite de terça-feira em New Hampshire, Donald Trump praticamente garantiu a nomeação para as eleições presidenciais de novembro.

“Os resultados desta noite confirmam que Donald Trump está praticamente fechado com a nomeação republicana”, declarou Julie Chavez Rodriguez, diretora da equipa, em comunicado.

Trump venceu as primárias republicanas de New Hampshire, depois da vitória no ‘caucus’ do Iowa, na semana passada, dando mais um passo rumo à nomeação do partido para as eleições presidenciais norte-americanas.

As primárias de New Hampshire serão responsáveis pela distribuição de apenas 22 dos 2.429 delegados que vão participar na Convenção Nacional Republicana, evento de onde, neste verão, sairá o candidato à Casa Branca.

“Que grande vitória”, afirmou Trump, depois de a imprensa norte-americana, com 55% dos votos apurados, o ter declarado o vencedor da noite (53,8% dos votos), com quase 10 pontos percentuais de vantagem sobre a antiga governadora da Carolina do Sul e antiga embaixadora dos EUA na ONU Nikki Haley (44,7%).

Apesar de reconhecer a derrota contra Trump nas primárias republicanas de New Hampshire, Haley prometeu que vai continuar na corrida pela Casa Branca.

Também Biden venceu na terça-feira as primárias democratas de New Hampshire, uma eleição simbólica para a qual o chefe de Estado norte-americano não fez campanha, reforçando o domínio do chefe de Estado na nomeação democrata para um segundo mandato.

As primárias democratas em New Hampshire, no nordeste dos Estados Unidos, estiveram mergulhadas em controvérsia devido à decisão do Partido Democrata de romper com uma tradição centenária e iniciar a temporada eleitoral na Carolina do Sul (sudeste), em 03 de fevereiro.

O Comité Nacional Democrata, que tem a palavra final sobre a forma como o candidato presidencial será escolhido, afirma que os responsáveis do partido estadual de New Hampshire violaram as regras partidárias nacionais ao agendar a disputa antes do permitido, uma vez que foi a Carolina do Sul o estado escolhido pelo Comité para o arranque das primárias.ANG/Lusa

About The Author

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Publicidade

Anúncio – Participe do FGI

Videos Recentes

Loading...

Siga-nos

Junho 2024
D S T Q Q S S
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30